First job

Nesse ano de 2012 foram várias as vezes que tive vontade de trabalhar, fazer alguma coisa pra ganhar meu próprio dinheiro.

Meus pais pegavam no meu pé pra trabalhar na loja – sem chance, porque eu acho muito chato ficar dobrando, embalando roupas – ou para que eu desse aula particular para crianças/jovens – mas não tive coragem porque não confio em mim pra transmitir conhecimento em troca de dinheiro. Além do mais eu estudo no período integral então fiquei com preguiça (já falei que sou muito preguiçosa hihi).

Daí, algumas semanas atrás minha amiga falou que ia começar a trabalhar no shopping durante o mês de dezembro e logo eu pensei “POR QUE NÃO?“… Então mandei meu currículo para váaaaarias lojas do Shopping Higienópolis. Várias mesmo porque eu tava com medo de não receber respostas hehehe.. no total foram 25. Depois de uns dias percebi que foi mt exagero porque recebi ligações de lojas – ELES LIGAM MESMO! :) – como a Maria Filó, MOB, TNG, Track&Field, M.Officer e FARM.

E então começaram os processos seletivos! Me diverti bst com cada uma delas.

Começando pela Maria Filó. Foi a mais chata na minha opinião. Tive que ir na pqp do Shop. Vila Olímpia. Lá me deram um formulário que pedia todas as infos que eu já tinha posto no cv e um redação de 15 a 20 linhas do porque que eu queria trabalhar na Maria Filó. Enchi e enchi de linguiça, falei que cresci no mundo da moda, sempre acompanhando tendências por causa da loja dos meus pais. E é claro que me elogiei, falei que sou comunicativa, atualizada, gosto de me informar, gosto de conhecer novas pessoas e novos lugares etc etc etc. Depois disso, a mulher do rh me falou do salário e dos benefícios que eu teria. Ela falava tão rápido que não entendi muito bem mas ok porque ela só tinha vaga disponível para os Shop. Iguatemi, JK e outros MUITO LONGES. Uns 2 dias depois ela me ligou pra eu fazer a entrevista com a gerente da loja que eu trabalharia mas recusei.

Próximo processo foi o da M.Officer e eu gostei muito! A dinâmica foi muito bem elaborada. Era eu e mais 4 meninas conversando com a gerente de rels.externas e uma x da M.Officer, lá na praça de alimentação do Shop. Paulista. Primeiro elas apresentaram um pouco da história da M.Officer e falaram da marca no contexto mundial. Depois pediram pra cada uma se apresentar, contar sobre o dia a dia e sobre experiências profissionais passadas. Lembro que uma era quase da minha idade mas já era casada, com uma filha. Outra faz biologia na usp e quer ganhar dinheiro pra fazer um intercâmbio no ano que vem. Outra que eu tinha conversado antes de começar a dinâmica (bem simpátioca e boazinha) era bixete de adm na espm. E uma outra que falava muuuuito baixo então nem consegui ouvir.

Depois de cada uma falar sobre si mesma veio a parte surpresa. A mulherzinha abriu uma caixa com marca-texto, lixa, elástico amarelo, apontador e branquinho. Mandou cada uma pegar um dos objetos e vender para ela. A gnt podia atribuir qualidades, estipular o preço e as formas de pagamento… valia tudo pra vender o produto! AINDA BEM que fui uma das primeiras e peguei o marca-texto… achei o mais fácil. Tínhamos 1 minuto (ou 2, nem lembro mais) pra elaborar a venda.

A primeira foi a casada vendendo o branquinho. A próxima fui eu porque nenhuma quis. Fingi que tava tranquila mas por dentro tava me cagando, toda nervosa! Falei que o marca-texto era a base de água, tinha secagem rápida e portanto não borrava na mão, que a cor era forte e bem expressiva.. não era de má qualidade como aqueles marca-textos que você passa no papel e não consegue nem ver direito, que podia ser usado tanto para grifar textos quanto para escrever ETC ETC ETC. Lembro que eu tava tremendo quando acabei. Bateu um alívio. Depois disso não lembro muito bem mas achei muuito engraçado a menina de voz baixa flando que o apontador era multifuncional….. dava pra apontar lápis… E LÁPIS DE OLHO! HEUHEUEHUEHUEHUE Fim da dinâmica. No dia seguinte já recebi a ligação da gerente da MOfficer no higi, a Gisele (ou Gi) falando que fui aprovada. FIQUEI SUPER FELIZZZZ HEUHEUHEUHEUE Conversei com ela e ela falou que a mulher da dinâmica gostou mt de mim… falou que eu era uma “oriental pra cima”.

Next…………MOB! Fiz a entrevista com o gerente Paolo. Certeza que é gay. E era muito fofo. Muito fácil de conversar com ele… Depois disso, ele falou que era qse ctz que eu passava, mas antes precisava falar com a superior dele. Fiquei de ligar pra ele no dia seguinte mas não liguei porque optei pela M.Officer. Então n sei se passei mesmo.

E por último, Track&Field! O nome da gerente era Geysa acho.. MUITO SIMPÁTICA. Fiquei numa dúvida cruel entre essa e a mofficer. Mas eu ainda teria que participar da dinâmica e a mofficer queria que eu confirmasse logo então resolvi ficar com a Mofficer!

Só de deixar meu currículo em várias lojas, conversar com os gerentes e participar dos processos foi muito divertido!! É muito fácil ver o perfil que eles procuram.. uma pessoa comunicativa, animada, não pode ser desleixada, simpática e que quer ganhar dinheiro. Querer ganhar dinheiro é fundamental pq todos saem ganhando. Não tô falando que sou tudo isso mas eu acho que consegui incorporar um pouquinho de cada na hora que precisava. O clima das entrevistas que eu participei foram todos muito descontraídos, no meio do shopping, com um monte de gente passando em volta e foi isso que eu achei mais marcante.

Se eu já me diverti nos processos seletivos, imagina quando eu começar a vender e ganhar money money MONEEEEY! HUHUHUHUHUHU

SO EXCITED.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s